15 de agosto

Como deve atuar um vendedor de uma loja de móveis?

Quando a empresa lida diariamente com vendas, é preciso ter uma equipe de vendedores de loja de móveis capacitados e com habilidades consistentes, para agregar potencial competitivo ao negócio.

O comportamento que se espera de um vendedor de uma loja de móveis não é diferente. Afinal, nesse setor é preciso ter muito conhecimento a respeito do produto, cordialidade e educação para lidar com os clientes e, é claro, facilidade para se comunicar com o público.

No artigo de hoje mostraremos como deve atuar um vendedor de loja de móveis para garantir bons resultados para o negócio. Continue a leitura do conteúdo para conferir!

Para ser um bom vendedor de loja de móveis, cause uma primeira impressão positiva

Um bom vendedor sabe que a sua aparência, pelo menos no ambiente de trabalho, deve se enquadrar no estilo da empresa em que ele atua. Isso inclui roupa, cabelo, barba, maquiagem e até mesmo adereços que utiliza (pulseiras, brincos, piercings, joias etc.).

Cada nicho do setor varejista tem um público diferente. E isso influencia no que é ou não aceitável no ambiente de trabalho. Por exemplo, a forma como um vendedor de uma loja de artigos esportivos se veste não é a mesma de um vendedor de loja de móveis.

Para causar uma boa primeira impressão, é necessário adequar-se ao padrão da empresa e do perfil do cliente. Roupas sociais costumam transmitir um tom de credibilidade e experiência, é claro que mantendo o bom senso para evitar excessos.

vendedor de loja de móveis

Tenha ótima habilidade de negociação como vendedor de loja de móveis

Nesse ramo, é comum que o cliente tenha o hábito de pechinchar, pedir descontos, promoções ou qualquer tipo de vantagem sobre o preço do produto. Por isso, o vendedor de loja de móveis deve ter muita habilidade de negociação.

Afinal, os descontos e promoções existem no setor varejista justamente para elevar a probabilidade de fechamento das vendas. E, consequentemente, aumentar o poder de argumentação do vendedor.

O importante é que o profissional de vendas saiba utilizar a sua porcentagem permitida de descontos de forma estratégica, de modo que não perca a venda por conta de uma postura implacável. Mas também não facilite a redução do preço logo no início da abordagem.

Em outras palavras, é preciso ter equilíbrio e intuição para administrar os seus argumentos e artifícios durante a negociação.

Ouça o cliente e faça perguntas adequadas

O vendedor de loja de móveis, antes de começar uma abordagem agressiva, deve saber ouvir o cliente para identificar o seu perfil de consumo e necessidades. Isso é importante para saber a hora de falar, fazendo perguntas adequadas e coerentes.

O vendedor deve oferecer o produto apenas depois de ter compreendido o que o cliente realmente precisa.

Para isso, é necessário ouvir não apenas o que ele disse, mas também o que ele não disse. Pois necessidades não ditas podem ser exploradas como uma eficiente fonte de vendas.

Também é preciso tomar cuidado para não fazer perguntas inadequadas e ofertar produtos não solicitados ou que não sejam compatíveis com o perfil do consumidor. O cliente pode ficar com a impressão de que não está sendo valorizado.

vendedor de loja de móveis

Agregue valor aos produtos

Esse é outro fator que empodera o vendedor e aumenta a sua capacidade de negociação com o cliente. Pois o profissional que sabe como agregar valor ao produto que está vendendo é capaz de vender qualquer coisa.

A ideia é mostrar uma necessidade que o consumidor tem, de forma explícita, apresentando o seu produto como a solução ideal. Em uma loja de móveis, há uma grande margem para se trabalhar com esse conceito.

Além disso, o vendedor precisa conhecer não somente o nome ou a descrição básica dos móveis que está vendendo, mas também entender sobre as diferenças entre os materiais de fabricação, possíveis acomodações para cada tipo de móvel de acordo com o cômodo da casa, entre outros aspectos que agregam valor ao produto.

Gostou do artigo sobre como um vendedor de loja de móveis deve atuar? Então não deixe de conferir os serviços que você pode oferecer como diferencial!

[cta id=’5281′]

Deixe seu comentário