24 de fevereiro

5 dicas para organizar as finanças da empresa

Não é preciso realizar um curso de graduação em administração nem gerenciar uma multinacional de sucesso para concordar sobre a importância de manter as finanças da empresa organizadas.

Na verdade, os empreendedores em atuação no mercado talvez sejam aqueles com os melhores argumentos de que essa estratégia é fundamental para o crescimento e sucesso dos negócios, pois eles acompanham diariamente os reflexos de uma administração financeira confusa ou os benefícios de tê-la sob controle.

A gestão online da sua loja de móveis pode aumentar sua competitividade 

Sua empresa está em qual dessas duas realidades? Acompanhe, neste post, algumas dicas fundamentais para organizar as finanças da empresa e usufrua de todos os benefícios que a saúde financeira pode proporcionar à sua empresa!

1. Alinhe o planejamento comercial com o financeiro

O planejamento comercial tem como principal objetivo aumentar as vendas e/ou lucros da empresa e, não obstante, é preciso fazer investimentos para realizar o que está sendo almejado.

Mas além de focar no aumento das vendas, é preciso alinhar essas projeções com a capacidade financeira da empresa. Por isso, analisar o fluxo de caixa, administrar os recebimentos de contratos ativos, analisar as perspectivas do mercado e demais variáveis do negócio são ações fundamentais para organizar as finanças da empresa.

Investir em propagandas e eventos para atrair novos clientes pode não trazer os resultados esperados e aumentar os custos da área comercial. Por um outro lado, investir no relacionamento com clientes ativos pode ser muito menos dispendioso e, ainda assim, gerar mais lucros.

2. Conheça e administre sua carteira de clientes

A gestão de clientes é, em alguns casos, o principal diferencial de um negócio. Ter um sistema que permita não só o cadastro de clientes, mas também controle de contrato, histórico de relacionamento, entre outras funcionalidades, favorece a fidelização de clientes por meio da satisfação por um serviço completo.

Acompanhar clientes de forma mais próxima e completa também pode gerar novos negócios e indicações.

3. Administre a inadimplência

Em alguns modelos de negócio não é possível evitar a inadimplência. Manter seus níveis baixos é de suma importância para a organização das finanças.

Ao administrar as cobranças, é possível determinar quais ações serão tomadas para a recuperação do crédito. Isso sem, necessariamente, perder o vínculo comercial com o cliente.

Com a economia em crise, não é incomum que bons clientes atrasem pagamentos. Administrar a inadimplência fará com que esses períodos de incertezas não afetem o negócio.

organizar as finanças da empresa

4. Use tecnologias para organizar as finanças da empresa

Sistemas de gestão e outras tecnologias devem ser adotadas para tornar os processos mais eficientes e os dados mais confiáveis. Quando integram os setores da empresa, como os ERPs, trazem também o benefício de apurarem os dados de forma mais abrangente.

Isso se torna fundamental quando o foco e área de atuação da empresa são mais específicas. Empresas do polo moveleiro, por exemplo, ao adotar sistemas de gestão podem focar em seus processos produtivos e de vendas do que na gestão dos dados.

5. Acompanhe seus resultados

Depois de adotar um planejamento integrado, tomar a gestão de clientes e de cobrança como ações comuns à gestão das finanças. É hora de acompanhar os resultados.

Mais uma vez os softwares são essenciais para a gestão. Por meio dos dados gerados no sistema é possível acompanhar em tempo real o desempenho das estratégias traçadas. E a partir daí, ajustá-las em tempo hábil, caso elas não estejam cumprindo as expectativas.

Todo bom gestor deve acompanhar e organizar as finanças da empresa. É possível delegar uma série de funções e responsabilidades desse processo. Para que ele seja bem-sucedido, sua supervisão é primordial.

É preciso ressaltar que muitas falhas e prejuízos são frutos da desorganização financeira e falta de comprometimento com os resultados.

Essas dicas condizem com as dificuldades da sua empresa? Gostaria de receber informações mais detalhadas sobre elas? Então, assine a nossa newsletter!

[cta id=’5015′]

Deixe seu comentário