2 de outubro

A indústria moveleira deve acompanhar o desempenho dos canais de vendas

Uma das maiores responsabilidades do gestor de uma indústria moveleira é decidir quais estratégias, recursos e ferramentas serão utilizadas para garantir a produtividade e a sobrevivência dos seus canais de vendas.

Entretanto, existem diversos aspectos que precisam ser considerados antes de qualquer decisão definitiva ser tomada. Dentre eles, podemos citar o comportamento do consumidor e dos concorrentes. Além de fatores socioeconômicos e até mesmo o segmento de atuação da empresa.

Existem algumas formas para reunir informações na tomada de decisões e tornar o trabalho do gestor da indústria moveleira muito mais eficiente, prático e seguro. E com isso, acompanhar as informações e o desempenho dos canais de vendas. Continue a leitura do conteúdo para conferir!

1. Indústria moveleira deve definir métricas relevantes para o negócio

A maioria das indústrias moveleiras  estão aderindo à implementação de métricas de desempenho e análise de dados relevantes para o negócio. Afinal, para reunir informações sobre as lojas na tomada de decisões é necessário ter um bom volume de dados. Além de precisão e consistência em suas fontes de pesquisa.

Por exemplo, no ramo de venda de móveis é preciso quantificar o número de vendas por período, o índice de satisfação dos clientes e a qualidade do atendimento.

Basicamente, para cada nicho do mercado há uma ou mais métricas de desempenho. Os administrados do negócio podem utilizar estes dados para obter dados importantes e tomar decisões acertadas.

indústria moveleira

2. Reduza os riscos

Em um teste de múltipla escolha, quem é que nunca encontrou a alternativa correta por meio da técnica de eliminação de respostas erradas, não é verdade?

Pense na tomada de decisões da mesma maneira. Quanto menores forem os riscos associados às lojas de móveis planejados, mais fácil se torna a obtenção de informações relevantes. Para assim, melhorar as suas estratégias de negócios da indústria moveleira .

Reduzir os riscos é uma forma de aumentar as suas possibilidades. Garante uma satisfatória alocação de recursos e uma ótima performance de resultados.

Por exemplo, se a equipe de vendedores está com dificuldades para fechar vendas, em vez de tomar uma decisão definitiva como o reposicionamento de todos os membros, é possível aplicar métricas de desempenho para identificar possíveis falhas na logística ou em suas técnicas de argumentação com os clientes.

Lembrando que esse problema atinge a loja. E, consequentemente, o seu estabelecimento pode ter o índice de fornecimento de móveis planejados afetado.

3. Tenha mais controle sobre os ciclos de vendas

Somente uma administração minuciosa de cada etapa da jornada de compra dos consumidores de uma loja de móveis é capaz de melhorar o planejamento de negócios. Isso significa que é preciso ter mais controle sobre os ciclos de vendas.

Com o auxílio da tecnologia é possível gerar relatórios e obter informações na tomada de decisões do negócio, como:

  • quais são os produtos com maior volume de saída?
  • quais são os períodos (feriados, datas comemorativas, temporadas) em que as vendas aumentam?
  • quais estratégias alcançaram os melhores resultados na mesma época do ano anterior?

Para obter total controle sobre os  ciclos de vendas das lojas e evitar prejuízos, considere utilizar um software de gestão empresarial em seu negócio de móveis planejados.

4. Utilize um sistema ERP para melhorar suas estratégias

Capaz de eliminar a necessidade de retrabalho, automatizar os processos mecânicos e repetitivos, organizar as informações e até mesmo integrar mobilidade ao negócio, com o auxílio de um ERP, a indústria moveleira pode melhorar as suas estratégias em relação às lojas de móveis da marca.

Com base em informações precisas e processos alinhados, é possível melhorar a tomada de decisões cotidianas O que torna a gestão dos canais de vendas muito mais eficiente.

Agora que você já conhece as principais formas de resolver a falta de informações na tomada de decisões com o uso de um sistema ERP, saiba também como trocar planilhas por um software de gestão!

indústria moveleira

Deixe seu comentário