21 de junho

Erros ao abrir uma loja de móveis planejados: veja os 5 que você deve evitar

Nenhum empreendedor quer cometer erros ao abrir uma loja de móveis planejados. Afinal, esse segmento apresentou bons resultados nos últimos anos. De acordo com dados divulgados pelo IEMI (2015), um em cada nove estabelecimentos que vendem móveis oferece móveis planejados aos seus clientes.

Ainda de acordo com a pesquisa, proprietários de varejo identificaram que trabalhar com móveis planejados agregava valor às suas marcas. Em 2015, para você ter uma ideia, esse mercado movimentou R$ 13,4 bilhões em valores.

Os números animam quem deseja investir, mas assim como em qualquer segmento econômico, é necessário tomar alguns cuidados. Veja esta lista de erros que você deve evitar ao abrir uma loja de móveis planejados.

1. Não saber escolher os sócios é um dos erros ao abrir uma loja de móveis planejados

Um sócio tem papel estratégico em uma empresa. Em alguns casos, ele traz a sabedoria que falta ao um jovem empreendedor. Em outras situações, ele contribui com aporte financeiro. Evite convidar pessoas apenas por questões emocionais, ou seja, por querer trabalhar com elas, ou compartilhar essa experiência.

2. Não conhecer seu público-alvo

Esse merece destaque na lista de erros que você deve evitar ao abrir uma loja de móveis planejados. Realize pesquisas para identificar o público-alvo, assim você entenderá o poder aquisitivo de seu cliente e o que ele procura com relação a móveis planejados — ele pode ter um perfil mais conservador, por exemplo. Saber disso o ajudará a escolher as peças que serão comercializadas.

Abrir uma loja de móveis planejados sem ter definido o perfil do cliente pode colocar o negócio em risco.

erros ao abrir uma loja de móveis planejados

3. Não contar com profissionais treinados

É importante que o empresário dedique um tempo para treinar os colaboradores, de modo que eles entendam a rotina de trabalho de uma loja de móveis planejados. Além disso, é ideal que os funcionários estejam aptos a responder as perguntas dos clientes, transmitindo que realmente conhecem os produtos.

O cliente pode ter um questionamento no caixa. Se o funcionário que o atender souber como reverter a situação, a venda certamente será feita.

4. Não ter um planejamento financeiro

Possuir um fluxo de caixa é muito importante. Saiba de quanto dinheiro sua empresa precisa para funcionar, calculando despesas fixas e variáveis.

Além disso, em hipótese alguma retire dinheiro da empresa para despesas pessoais — e nem use recursos pessoais para socorrer a empresa. Portanto, mantenha a vida financeira da empresa distante da sua.

Ter um empreendimento equivale a fazer um investimento e investimentos levam algum tempo para trazerem retorno. Respeite isso e planeje sua empresa para que ela consiga enfrentar situações adversas e passar a ter rendimento em longo prazo.

erros ao abrir uma loja de móveis planejados

5. Não estabelecer metas é outro erro ao abrir uma loja de móveis planejados

Metas são essenciais para que a empresa evolua. No entanto, elas precisam ser calculadas com cuidado e realismo. Entenda o tamanho de seu negócio e o tempo que ele levará para conseguir resultados maiores. Uma loja de móveis planejados, recém-criada, não deve ter como meta de curto prazo ter o mesmo faturamento da líder de mercado.

Por outro lado, uma meta mais palpável, como conversão de visitas em vendas pode ser bem planejada para ser alcançada.

Agora que você sabe como evitar esses erros ao abrir uma loja de móveis planejados, leia o nosso post e descubra como administrar uma loja de móveis!

erros ao abrir uma loja de móveis planejados

Deixe seu comentário