23 de janeiro

Design thinking: como essa técnica atrai mais clientes para a sua loja de móveis

Quando ouvimos a palavra design, normalmente, a primeira coisa que vem à cabeça é a aparência visual de um material. Não deixa de ser realidade, mas o conceito de design thinking é muito mais amplo. Ele pode ajudar as empresas a alcançarem bons resultados.

Nesse artigo, você vai conferir o que é o design thinking. E como utilizar essa abordagem para atrair mais clientes em sua loja de móveis. Boa leitura!

Como aumentar as vendas da sua loja de móveis planejados

O que é o design thinking?

De acordo com Charles Burnette, uma das maiores autoridades no assunto, design thinking (podendo ser traduzido para “forma de pensar no projeto”) é “um processo de pensamento crítico e criativo que permite organizar informações e ideias, tomar decisões, aprimorar situações e adquirir conhecimento”.

Umas das principais características do design thinking é buscar múltiplas soluções para uma questão. Ele utiliza sempre a criatividade e olhando para os problemas como oportunidades de crescimento.

Outra particularidade do design thinking é testar diversas possibilidades até encontrar a resolução de um problema, adquirindo conhecimento durante o processo.

Para entender melhor essa abordagem, vamos explicar as 4 etapas desse processo (imersão, análise e síntese, ideação e prototipação) e como eles se aplicam a uma loja de móveis. Confira:

design thinking

Imersão

É quando a empresa observa o comportamento do cliente, quais são seus maiores problemas, o que ele procura na loja e como ajudá-lo a encontrar soluções.

Invista em pesquisas com os clientes e com os colaboradores para obter essas informações. Nesse momento, é muito importante utilizar a empatia, se colocar no lugar do cliente para entender suas principais necessidades.

Análise e síntese

Após analisar os dados obtidos, a empresa chegará a algumas conclusões. Vamos imaginar que a conclusão de uma pesquisa é que os clientes sempre ficam inseguros no momento de combinar os móveis que já têm com a mobília oferecida na loja.

Ideação

Sua equipe deve encontrar uma forma de deixar os clientes mais seguros no momento de realizar uma compra. Nesse momento, é importante que todos da equipe sejam envolvidos no processo, e até mesmo os próprios clientes. Um dos diferenciais do design thinking é dar poder ao usuário, para que ele também ajude na melhoria dos produtos e serviços que consumirá.

Prototipação

Aqui é quando a loja colocará a mão na massa para resolver o problema do cliente. Nesse exemplo, uma possível solução seria um aplicativo em que pessoa poderia simular como ficaria o ambiente com os novos móveis.

Nessa fase, é importante realizar testes com pequenos grupos e versões não finalizadas (projetos beta). Para desta forma, colher mais informações e aperfeiçoar a solução oferecida.

design thinking2

Quais as vantagens do design thinking para o meu negócio?

Pensar em soluções de forma mais criativa e trazer o cliente para colaborar durante esse processo fará com que a sua empresa adquira um conhecimento muito mais amplo. Dessa forma, será possível elaborar novas estratégias, se destacar dos concorrentes e aumentar suas vendas.

O design thinking é uma abordagem que tem sido cada vez mais utilizada pelas empresas que desejam se posicionar no mercado de maneira inovadora. Se antecipar é um dos segredos do sucesso dos grandes negócios, por isso, vale a pena ficar atento a essa estratégia e conhecer mais suas vantagens.

Gostou do post? Siga as nossas redes sociais (Facebook, Twitter e YouTube) e receba mais dicas!

[cta id=’5015′]

Deixe seu comentário